Workshop sobre Indústria 4.0 na FCTUC

Durante o Workshop em Indústria 4.0 organizado na Universidade de Coimbra, com a participação da Indústria e da Academia. Esta é uma área estratégica para a UC, bem identificada pela sua unidade UC Business. Na foto, o painel final com Marco Reis (Engenharia Química, organizador), Enrique Del Castillo (Penn State University, USA) e César Toscano (INESC TEC).

FCTUC – Universidade de Coimbra – UC Business

Videos section UPDATED

I just updated the videos section of this site. The idea is to report some of the robotic and automation systems we developed for several purposes: scientific projets and demonstrators, industrial projects, laboratory demonstrators, technology and scince spreading, etc.

Take a look 🙂

Concurso de Inovação – EMAF

We organize the EMAF Innovation Contest since 18 years ago.

The EMAF (biggest Portuguese industrial exhibition in Mechanical Engineering, Robotics and Machines) intends to reinforce the R & D and innovation components of the event, highlighting its crucial importance for the development of the production technology industry. In this framework, it launched the challenge for all EMAF exhibitors to participate in the 9th Innovation Competition, in a partnership with J. Norberto Pires and Revista Robótica. Intended for the exhibitors registered in the EMAF, the competition evaluates the aspects of design, originality and operationality of the products presented.

More details here: http://www.jnorbertopires.pt/emaf-innovation-contest/

iParque: Coimbra Science and Technology Park

I started with this park in the summer of 2007, when the project was basically an idea. Under my administration, we prepared all the projects, obtained the necessary funds and kick-started the construction. We also designed all the communication plan and made the first agreements with companies that choose iParque to be their location. We also planned the incubator/accelerator of the park, along with its services for companies, and obtained the necessary funds to built it.

Check details HERE.

Bellow, video of the presentation of the park (2010) where we had the visit of two Secretaries-of-State: Science (Leonor Parreira) and Innovation (Carlos Oliveira).

jnpDrone: Engineering is FUN!

Check here some of the projects I’ve done in industry, to work better and be more efficient, to teach, to demonstrate principles and also to have FUN (don’t forget to have fun, it’s really important)! Because, no matter what you do, what is your motivation, engineering is really a lot of FUN!

The one I’m highlighting today is the jnpDrone. A thing just for the sake of building stuff, learn and have fun! I didn’t use any commercial flight controller, but instead built one from the scratch 🙂

Fotos: apresentação do livro “Automação e Controlo Industrial” na Bertrand

No passado dia 16 de Maio foi apresentado na Bertrand (Contro Comercial Alma, Coimbra) o meu mais recente livro: “Automação e Controlo Industrial – Indústria 4.0“. A sessão, que contou com a presença de Reitor da Universidade de Coimbra (Amilcar Falcão), Vice-Reitor para Empreendedorismo (Luís Silva), Diretor de Automação da Siemens (António Mira), a Professora da Faculdade de Economia da Universidade do Porto (Ana Lehmann) e o responsável da editora Lidel (Frederico Annes). A sessão contou ainda com a presença do Grupo de Bandolins da Casa Museu Fernando Namora (Condeixa).

Integrar a Realidade Virtual na programação de robôs industriais

A inclusão da realidade virtual na robótica, especialmente na robótica industrial, pode ser vantajosa? Pode, e muito, revela um estudo inédito realizado na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), em resposta a um desafio lançado pela DOLL Engineering, empresa alemã que desenvolve sistemas robóticos para a indústria.

A inclusão da realidade virtual na robótica, especialmente na robótica industrial, pode ser vantajosa?

Pode, e muito, revela um estudo inédito realizado na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), em resposta a um desafio lançado pela DOLL Engineering, empresa alemã que desenvolve sistemas robóticos para a indústria.

O SISTEMA DESENVOLVIDO PERMITE QUE O UTILIZADOR EXTRAIA INFORMAÇÃO VISUAL DA PEÇA REAL

Com recurso a dispositivos de realidade mista (como a usada no Microsoft HoloLens – óculos que juntam objetos de realidade virtual (hologramas) e de realidade aumentada), um grupo de investigadores do Laboratório de Robótica Industrial da FCTUC desenvolveu uma ferramenta robótica que tem tudo para «revolucionar a robótica industrial, designadamente a programação de robôs, porque estamos perante um novo conceito de interação Homem-máquina. Qualquer técnico vai poder programar um robô sem saber nada sobre ele», afirma Norberto Pires, coordenador do projeto.

Basicamente, partindo do potencial do equipamento HoloLens da Microsoft, que projeta hologramas (imagens tridimensionais) no ambiente real onde é utilizado, «o sistema desenvolvido permite que o utilizador extraia informação visual da peça real, por exemplo, do projeto em 3D dessa peça realizado numa ferramenta CAD, e a explore e manipule – visualmente em ambiente real – de acordo com a aplicação pretendida, através de simples gestos com as mãos. De seguida, transmite essa informação ao robô, que por sua vez a assimila e gera o código necessário para a realização das operações definidas, as quais podem incluir a produção da própria peça (por impressão 3D, por exemplo)», explicita o cientista da FCTUC.

Assim, esta nova ferramenta torna a programação de um robô «acessível a qualquer pessoa, uma vez que o programador deixa de ter de saber o código específico de cada máquina, como é que se programa um determinado robô, isto é, os seus detalhes, a linguagem específica usada, as características do robô, etc., ou seja, tudo isso pode ser escondido do programador, o qual se concentra somente nos aspetos operacionais», acentua Norberto Pires.

A equipa acredita que o sistema desenvolvido, em colaboração com a DOLL Engineering, terá «um vasto campo de aplicação num futuro próximo, mudando radicalmente a forma de programar robôs industriais. E, consequentemente, irá reduzir significativamente o tempo de projeção e de fabrico dos produtos, diminuindo os custos associados.»

A «integração da tecnologia de realidade virtual nos sistemas robóticos industriais atuais é, sem dúvida, um ponto de viragem na redução da complexidade para os utilizadores finais. A atual tecnologia de robôs ainda requer especialização avançada na programação», conclui Norberto Pires.

Este estudo foi publicado recentemente na revista internacional “Industrial Robot” da editora Emerald. A demonstração realizada no âmbito do projeto pode ser visualizada: aqui.

Joaquim Norberto Pires com os colaboradores João Neves e Diogo Serrario. Mais detalhes sobre o trabalho aqui.

Indústria 4.0 – 2ª fase do programa nacional

Dois novos sistemas robóticos – um para fabrico aditivo e outro de realidade mista, bem como a modificação inovadora resultante do uso vulgar da denominada impressão 3D, utilizada para plásticos, mas agora dedicada a outros materiais, metálicos e cerâmicos-, todos desenvolvidos por investigadores da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), foram apresentados no dia 9 de abril, no lançamento da II Fase do Programa Indústria 4.0, que tem lugar no Campus de Azurém da Universidade do Minho, com a presença do Primeiro-Ministro, António Costa.

A tecnologia de impressão 3D criada na FCTUC utiliza 6 eixos de movimento, o que possibilita a impressão de peças metálicas de grandes dimensões em vários ângulos e planos, e já tem o interesse de uma das maiores fornecedoras de metal do mundo, a Tata Steel (Índia), uma vez que representa um grande avanço para toda a indústria que utilize materiais metálicos de grande envergadura (por exemplo, indústria aeronáutica e indústria do petróleo).

A aproximação entre o fabrico de filamentos de elevado teor em pós metálicos e cerâmicos para impressão 3D e o usado em misturas para injeção de pós (PIM), permite que sistemas utilizados para processamento de polímeros (injeção e também extrusão) sejam usados para a conformação por 3D de pós metálicos e cerâmicos, tornando possível, hoje, conformar com recurso a uma impressora 3D de custo reduzido, assistida por CAD, qualquer geometria e material, com a vantagem de produzirem, ao contrário de outras técnicas aditivas, peças com um acabamento quase final.

De notar que a UC possui uma longa experiência, e primordial, no fabrico de peças a partir de misturas de pós metálicos e cerâmicos, para elevadas séries de componentes com geometrias complexas ou seja para injeção e afins (PIM/Hot embossing). É nestas técnicas que se baseiam os princípios fundamentais da nova técnica de processamento 3D, dedicada a geometrias impossíveis e série moderada, que vai ser apresentada e designada por FDMet (pós metálicos ou FDC (pós cerâmicos), base de vários projetos de inovação com a indústria (ANI), em curso, sendo de salientar os denominados Coolgrafeno (co-promoção) e o Add-additive (mobilizador).

Já o sistema robótico de realidade mista promete simplificar a programação de um robô, «uma vez que o programador deixa de ter de saber o código específico de cada máquina, como é que se programa um determinado robô, isto é, os seus detalhes, a linguagem específica usada, as características do robô, etc., ou seja, tudo isso pode ser escondido do programador, o qual se concentra somente nos aspetos operacionais», afirma Norberto Pires, coordenador de dois dos projetos que foram apresentados.

Por seu lado, a coordenadora do projeto de FDMet/C, Teresa Vieira, afirma que «uma das tecnologias que é homotética da resultante da revolução industrial designada por 4.0 é sem dúvida a que se baseia nos designados Processos de Fabrico Aditivos. Nestes processos, o virtual domina os processos ditos reais/convencionais. As tecnologias que vamos apresentar representam uma grande mais-valia para as indústrias porque vão permitir simplificar processos e reduzir tempo e custos de produção».

Apresentação e contactos

Biografia/Biography

Publication profile – here

Videos of industrial and non-industrial machines.

J. Norberto Pires é licenciado em Engenharia Física, ramo de Instrumentação (1991), Mestre em Física Tecnológica, também no ramo de Instrumentação (1994), e Doutor em Engenharia Mecânica, especialidade de Automação e Robótica (1999). Fez trabalhos de pos-doc em Lund na Suécia em Controlo Automático (1999-2000) e esteve em várias universidades como cientista convidado.

É autor de várias centenas artigos científicos e técnicos publicados em revistas e conferências de prestígio, 3 livros em Inglês editados pela Springer, 1 livro em Português, com 5 edições, editado pela LIDEL, vários capítulos em livros, mais de 500 artigos de divulgação técnico-científica, diretor da Revista Robótica (a única revista Portuguesa de Robótica). Em breve serão lançados dois novos livros em Português editados também pela LIDEL.

Tem uma presença assídua na comunicação social com colunas de opinião e programas de radio.

Foi presidente da Sociedade Portuguesa de Robótica, da Associação Portuguesa de Controlo Automático, Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Presidente do Comité de Investimento JESSICA Holding Fund Portugal, membro do Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia, membro do Conselho Nacional de Empreendedorismo e Inovação, entre outros cargos.

Em meados 2007 assumiu a Presidência do Conselho de Administração do iParque, Parque de Ciência e Tecnologia de Coimbra, cargo que exerceu até final de 2011, à frente de uma pequena mas muito dedicada equipa, com a qual planeou, obteve o financiamento e construiu esse importante espaço de localização empresarial de Coimbra. A estratégia de médio e longo prazo baseava-se na qualidade do espaço, nos edifícios VINCI e TESLA, na forte ligação à UC e numa muito eficaz coleção de serviços que permitisse sem atrativo para investimento e localização empresarial baseada em conhecimento.

É atualmente Professor Associado com Agregação do Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade de Coimbra.

########

J. Norberto Pires has a degree in Physics Engineering, a branch of Instrumentation (1991) and a PhD in Mechanical Engineering (1999). He did post-doc work in Automatic Control (1999-2000, Lund, Sweden) and was in several universities as guest scientist.

He is the author of several hundred scientific and technical papers published in prestigious journals and conferences, 3 books in English edited by Springer, 31 book in Portuguese, 5 editions, edited by LIDEL, several chapters in books, more than 500 technical articles – scientific, director of the Robotics Magazine (the only Portuguese Robotics magazine). He’s releasing 2 new books in Portuguese, also edited by LIDEL.

It has a regular presence in the media with opinion columns and radio programs.

He was the President of the Portuguese Robotics Society, President the Portuguese Association for Automatic Control, the President of the Regional Coordination and Development Committee of the Center Region of Portugal, President of the Investment Committee JESSICA Holding Fund Portugal, member of the National Council of Science and Technology, member of the National Council of Entrepreneurship and Innovation, among other positions.

In mid-2007 he assumed the Presidency of the Board of Directors of iParque, Science and Technology Park of Coimbra, a position he held until the end of 2011, in charge of a small but very dedicated team, with which he planned, obtained financing and built this important business location in Coimbra. The medium- and long-term strategy was based on the quality of space, the VINCI and TESLA buildings, the strong link to the UC and a very efficient collection of services that allowed unattractive investment and knowledge-based business location.

He is currently Associate Professor with “Agregação” of the Department of Mechanical Engineering of the University of Coimbra.

Contactos

J. Norberto Pires

Professor Associado com Agregação

Departamento de Engenharia Mecânica

Polo II da Universidade de Coimbra

Luis Reis dos Santos 290

3030-194 Coimbra

Telefone: 239 790700

Fax: 239 790701

e-mail: norberto@uc.pt

Instagram LinkedIn